Preenchimento ou Botox?

Preenchimento ou Botox?

Apesar de existir uma comparação, a aplicação e substância do preenchimento e da toxina botulínica (botox) são diferentes. O preenchimento, geralmente realizado com ácido hialurônico, é indicado para repor volume em determinada parte do corpo e definir contorno, como no preenchimento labial, entre outros.

O botox atua no relaxamento do músculo, nas marcas de expressão e rugas dinâmicas, aquelas que aparecem ao movimento, ameniza os pés de galinha no canto dos olhos e linhas entre as sobrancelhas e testa. Ela suaviza a contração do músculo que tende ao excesso de movimento, evitando que as marcas fiquem mais profundas.

Apesar das diferenças, as técnicas podem ser associadas, ambos procedimentos ajudam no rejuvenescimento facial, reduzindo as ações do tempo, com a vantagem de não serem procedimentos invasivos, oferecendo resultados ótimos.

Com o passar do tempo, a pele sofre uma perda de colágeno, resultando em algumas alterações estéticas, o preenchimento facial com ácido hialurônico é indicado para minimizar os efeitos do envelhecimento, resgatando formato e proporção, atua no tratamento das rugas estáticas, aquelas que podem ser vistas mesmo com o rosto relaxado, além de dar volume e contorno como no preenchimento labial, preenchimento das maças do rosto, bigode chinês, cicatriz de acne, contorno da mandíbula e contorno facial.

Como é realizado o procedimento?

É realizada a limpeza da pele, após é aplicado o anestésico tópico para aliviar o desconforto local e então o ácido é injetado por micro cânulas preenchendo os espaços. Após a absorção do ácido o efeito é imediato, tornando a pele mais jovem e hidratada.

O procedimento é rápido e tranquilo, dura em torno de 20 a 40 minutos, dependendo do caso. O preenchimento pode durar de 9 a 18 meses, dependendo da área tratada e do material utilizado.

A grande vantagem é que o ácido não altera a fisionomia, ele apenas proporciona volume e reduz os sinais do envelhecimento, tornando a pele mais jovem e hidratada.

O tratamento deve ser realizado com um profissional capacitado, com produtos registrados pela Agencia Nacional de Vigilância Sanitária. Nenhum dos procedimentos afasta a pessoa das atividades do trabalho ou lazer, os cuidados pós procedimento incluem evitar atividade física, exposição excessiva ao sol e massagear a área tratada.

A região onde foi aplicado o ácido pode ficar levemente avermelhada ou roxa, é normal, já que é um procedimento que utiliza agulhas, porém, desaparece em torno de alguns dias. É contraindicado para gestantes, alérgicos e usuários de anticoagulantes.

Deixe uma resposta